Acesso à informação

Serviços  

   

Artigos e Publicações  

   

Artigos

Secretaria de Desenvolvimento Territorial e Projeto Dom Helder Camara planejam ações nos Territórios

Detalhes

 

DSC00637Com um encontro interterritorial realizado no dia 23 de agosto, na cidade de Triunfo – PE, a Secretaria de Desenvolvimento Territorial e o Projeto Dom Helder Camara - PDHC apresentaram novas estratégias da SDT/MDA e o Plano Safra Semiárido, para promover o alinhamento das ações territoriais prioritárias do plano operativo anual 2013 do PDHC.


O evento contou com a participação de Marcelo Mina, coordenador do Departamento de Inclusão Produtiva da SDT/MDA, do núcleo gestor do Projeto Dom Helder Camara e mais 60 participantes, entre as equipes locais de supervisão do Projeto e técnicos de organizações parcerias de assessoria técnica, mobilização social, gênero, educação contextualizada e desenvolvimento de sistemas produtivos ambientais.


DSC00643Marcelo apresentou as novas estratégias de inclusão produtiva da Secretaria de Desenvolvimento Territorial para os Territórios Rurais e da Cidadania. Entre elas, destaca-se a articulação de políticas públicas e integração de ações; a organização e qualificação das demandas territoriais; e efetivação das políticas públicas territoriais. Esse conjunto de estratégias tem, como objetivos, aumentar a capacidade e autonomia produtiva das famílias de agricultores familiares e a inserção de seus produtos em mercados institucionais; contribuir para a segurança e soberania alimentares; e eliminar as desigualdades sociais.


Em seguida, foi apresentado o Plano Safra Semiárido 2013/2014, que conta com diversas ações estruturantes para convivência com o Semiárido, como empreender sistemas de captação e armazenamento de água com foco produtivo, suporte forrageiro para a alimentação animal e promover a recuperação e fortalecimento da pecuária leiteira e pequenas criações. O volume de recursos para essa ação é de R$ 7 bilhões, sendo R$ 4 bilhões destinados à agricultura familiar.


1234104 624752600881110 933486524 nAs apresentações geraram debate construtivo com a contribuição de sugestões e reflexões voltadas à implantação de projetos de convivência com o Semiárido que sejam integrados com as políticas públicas e possuam sustentabilidade. A expectativa dos participantes é que as ações da SDT sejam efetivas e que não sofram descontinuidade. Um dos pontos destacados foi à eficiência do modelo de assessoria técnica implementado pela SDT no Semiárido, através do Projeto Dom Helder Camara, que deveria ser ampliado e adotado como referência para políticas públicas de ATER.


Marcelo Mina transmitiu informações sobre a chamada pública do PROINF, que tem por objetivo financiar projetos de infraestrutura produtiva para empreendimentos coletivos da agricultura familiar nos territórios rurais e da cidadania. Serão duas as modalidades a serem apoiadas: propostas de infraestrutura produtiva para empreendimentos da agricultura familiar, e estruturação de serviços públicos territoriais para inclusão produtiva. O prazo para a elaboração e envio das propostas técnicas dos colegiados territoriais se estende até 14 de setembro.


DSC00645O Diretor do Projeto Dom Helder Camara, Espedito Rufino, apresentou as ações territoriais prioritárias do Plano Operacional Anual (POA) 2013, o cronograma da segunda fase do PDHC, um balanço da execução de 2013 e os próximos passos até o final deste ano. As ações priorizadas indicam demandas por maior infraestrutura hídrica; investimento na produção e armazenamento de forragem; fortalecimento das feiras agroecológicas e da agricultura familiar; desburocratização no acesso ao crédito; fortalecimento da organização social e produtiva priorizando grupos de mulheres e jovens; apoio à educação contextualizada, entre outras.


Sobre a segunda fase do Projeto Dom Helder Camara, Espedito Rufino informou que a área de abrangência será ampliada, com a inclusão de um novo Território da Cidadania, o Alto Sertão Alagoano, assim como o número de famílias beneficiárias, estimado em 27.000. Segundo o cronograma, a previsão é que o Acordo de Financiamento seja assinado em janeiro de 2014.


1234104 624752604214443 552012523 nCom relação aos próximos passos, destacou a necessidade de intensificar a articulação com o conjunto de políticas governamentais, em todos os níveis, voltadas para o mundo rural, como forma de ampliar a participação e o acesso das famílias dos assentamentos e comunidades a essas políticas. Esse foco estratégico será o cerne do Processo de Planejamento para 2014, que será iniciado em outubro deste ano.


No final do encontro ficou acordado, como encaminhamento, a realização de reuniões envolvendo os comitês territoriais para debater as ações territoriais prioritárias do PDHC e seu alinhamento às novas estratégias da SDT/MDA e o Plano Safra Semiárido 2013/2014.

 

 

   

Galeria de Imagens  

   
   
© Projeto Dom Helder Camara