Acesso à informação

Serviços  

   

Artigos e Publicações  

   

Artigos

Projeto Dom Helder no Piauí: agricultores (as) são destaque no PAA/PNAE

Detalhes

 

Produtos prontos para serem entreguesProdutos prontos para serem entreguesAgricultores(as) familiares do Território Sertão de São João do Piauí (Territórios Serra da Capivara e Vale dos Rios Piauí e Itaueira) estão otimistas com os bons resultados obtidos com as vendas através do mercado institucional: Programa de Aquisição de Alimentos – PAA e do Programa Nacional de Alimentação Escolar – PNAE.


O otimismo não é sem razão. Nem mesmo a forte seca registrada na região nos anos 2012 / 2013, foi motivo para reduzir o número de famílias que acessaram os referidos programas. A saída encontrada pelos agricultores/as tem sido a produção irrigada de hortaliças e frutas, os cultivos em vazantes e uso sustentável da Caatinga. Comparandoos dados do ano de 2013 com o ano de 2011, houve um aumento de 256% no número de famílias beneficiadas através do PAA / PNAE. Porém, o resultado é ainda mais expressivo quando o econômico (volume de vendas) passa a ser o indicador analisado. Nesse item, considerando o ano em curso, o crescimento foi de438%, quando comparado com o ano de 2011 e de 306% quando comparado com o ano de 2012. Para melhor ilustrar a evolução dos números, confira o gráfico abaixo:

 

 

Seu Hermano, produtor de São Raimundo Nonato/PISeu Hermano, produtor de São Raimundo Nonato/PIOs sistemas de irrigação agroecológicos, econômicos, localizados nos assentamentos Malhada Inca e 13 de Abril, nos assentamentos Lagoa do Mato, Feitoria e Brejinho,bem como a produção em vazantes, localizados nos municípios do Cantodo Buriti, Pajeú do Piauí e São Raimundo Nonato - PI, respectivamente, respondem de forma significativa pelos bons resultados colhidos. Merece destaque, também, a produção de polpa de umbu da Caatinga, doces, geleias, bolos e biscoitos produzidos pelo grupo de mulheres do assentamento Novo Zabelê, São Raimundo Nonato.


Produtos prontos para serem entreguesProdutos prontos para serem entreguesParte dos produtos, em menor escala, écomercializada na feira agroecológica de Pajeú do Piauí, semanalmente, e na feira tradicional de Canto do Buriti. Esse mercado, as feiras, é menos expressivo do que o mercado institucional, mas desempenha papel importante na divulgação dos produtos, geração de renda dos agricultores (as) e segurança alimentar dos consumidores.



  

Produtos prontos para serem entreguesProdutos prontos para serem entreguesAs parcerias constituídas são fundamentais para os resultados alcançados. Os agricultores(as) contam com assessoria técnicaAssociação Regional Integrada de Desenvolvimento Agroecológico Sustentável – ÁRIDAS, da Cáritas Diocesana de São Raimundo Nonato e com o apoio da Mobilização Social do Centro de Formação e Capacitação Agenor da Silva – CEFCAS, FETAG / PI e QUILOMBOS. Os Sindicatos locais de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais e as prefeituras municipais prestam importante contribuição, como parceiro dos agricultores(as), nesta ação.


o agricultor Seu Raimundo mostra sua plantaçãoo agricultor Seu Raimundo mostra sua plantaçãoToda a produção comercializada é de base agroecológica, e os agricultores(as) estão em acelerado processo de organização de um Organismo Participativo de Avaliação da Conformidade. Em 2012 criaram a Associação dos(as) Produtores(as) Agroecológicos(as) do Semiárido Piauiense, que está buscando credenciamento pelo Ministério da Agricultura e, assim, poder certificar os produtos. Com o aumento do volume de vendas e o selo orgânico, a animação das famílias deve crescer, fortalecendo a Agricultura Familiar no Território. 

   

Galeria de Imagens  

   
   
© Projeto Dom Helder Camara