Acesso à informação

Serviços  

   

Artigos e Publicações  

   

Artigos

Parceria entre PDHC e EMPARN distribui mudas a agricultores familiares no Apodi

Detalhes


Agricultores e Agricultoras do Território Sertão do Apodi/RN, estão sendo beneficiados com a distribuição de mudas de Sabia, Leucena, Nim, Moringa, Gliricidia, Caraibeiras, Angico e Acácia magium, todas produzidas pela Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN) e distribuídas pela empresa na Chapada do Apodi. O público beneficiário são agricultores (as) familiares das comunidades e assentamentos acompanhados pelo Projeto Dom Helder Camara (PDHC). Ao todo, serão 182 agricultores dos municípios de Apodi, Felipe Guerra, Caraúbas, Umarizal, Rafael Godeiro, Olho D’água do Borges, Campo Grande, Upanema, Messias Targino e Patu, que irão receber, cada um, 50 mudas de várias espécies diferentes.

 

Para os agricultores Francisco Tavares Alves e Antônio da Costa Tôrres residentes no Projeto de Assentamento Nova Descoberta – Apodi, as mudas chegaram em boa hora, pois o solo está com umidade ideal para o plantio das mesmas. O Assentamento, que tem assistência do Centro Terra Viva através do Projeto Dom Helder Camara (SDT/MDA), foi beneficiado recentemente com um projeto de manejo da caatinga, financiado pelo Fundo de Investimentos Ambientais – FIA / PDHC.

 

Para Najara Melo, Gerente da Base Física da EMPARN na Chapada do Apodi, a parceria com o Projeto Dom Helder Camara é muito importante, pois está permitindo a distribuição rápida e eficiente de mais de 9.000 mudas de diversas espécies. Francisco Gonçalo Filho, assistente de campo do PDHC, afirma que essa ação se traduz de grande importância, visto que um dos objetivos do Projeto é trabalhar para minimizar as causas e os impactos negativos da degradação das terras sobre a integridade dos ecossistemas do bioma caatinga, através da implementação de sistemas de uso e manejo sustentáveis das terras. 

 

  

 

       

   

Galeria de Imagens  

   
   
© Projeto Dom Helder Camara